Este site utiliza cookies. De uma forma geral, os cookies são utilizados para melhorar a experiência de navegação no site e para melhorar a qualidade dos serviços que disponibilizamos através do mesmo.

Ao clicar “Aceito” está a autorizar a utilização dos nossos cookies. Poderá encontrar mais informação acerca do uso que fazemos de cookies na nossa Política de Cookies.

A quarta etapa desta Rota une a vila de Ansião à povoação do Bofinho, em plena serra e concelho de Alvaiázere. Até lá, a Vila de Ansião constitui paragem obrigatória nesta Rota sendo profícua em sugestões de visita: a Ponte da Cal, o Parque Verde, logo ali ao lado, a Igreja Matriz ou a da Misericórdia. Reza a lenda que a Rainha Isabel de Portugal parou junto ao rio Nabão, e, sob a Ponte da Cal, tomou água e banhou os pés, refrescando-se e abençoando o local. Daí nasceu a grande devoção pela Rainha Santa neste concelho e a tradição dos banhos santos, praticados até 1966. A 3 km de Ansião encontra a Capela da Constantina, outrora importante centro mariano mercê do aparecimento de Nossa Senhora em 1623. A saída de Ansião testa a sua resistência física, pelo que fica a sugestão de se apetrechar na vila de pastéis de pinhão e de lesmas, os típicos biscoitos secos de azeite e canela, antes de prosseguir. Nas imediações da Venda do Negro entramos no maravilhoso Parque Ecológico de Gramatinha e Ariques, a maior mancha ibérica de Carvalho-Cerquinho, espécie característica do Maciço Calcário de Sicó. Com uma área de aproximadamente 30.000 hectares, este parque intermunicipal, distribuído entre os concelhos de Penela, Ansião e Alvaiázere, concentra mais de oitocentas espécies vegetais e animais, entre as quais vários endemismos, como lírios e orquídeas selvagens que tornam a paisagem única e que, de forma alguma, deve colher! O traçado central desta Rota percorre a franja oeste do concelho de Alvaiázere por entre quintas e lugares pitorescos até alcançar o Bofinho. Ariques, Santiago dos Ariques ou Vale da Couda vão acompanhá-lo na travessia desta Rota. Se conhecer Alvaiázere está nos seus planos, na Venda do Negro opte pela variante da Vila. No percurso observe os característicos campos de lapiás e na vila visite o Museu Municipal do concelho e a Igreja Matriz.